quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Tirinha #52 – Os Sertões

Diálogo real em sala de aula. ;)

O livro Os sertões (campanha de Canudos) é uma obra-prima da literatura brasileira, escrita por Euclides da Cunha e publicada em 1902. Como correspondente do jornal O Estado de S. Paulo, o autor foi testemunha ocular de um período da Guerra de Canudos, registrando não só a vida do sertanejo, mas traçando ricos comentários sobre Geografia, História e Sociologia, colocando sua obra simultaneamente nos domínios da prosa artística e da prosa científica.

Segundo alguns críticos literários, assim como há três grandes epopeias clássicas gregas – Ilíada, Eneida e Odisseia –, Os sertões, Os lusíadas e Grande sertão: veredas compõem as três grandes epopeias em língua portuguesa.

[important]Epopeia é uma obra literária, na forma de poesia ou prosa, que narra uma sucessão de eventos memoráveis de um herói histórico ou lendário. (Fonte; Grande dicionário Houaiss da língua portuguesa – com adaptações.)[/important]

 

terça-feira, 6 de agosto de 2013

Tirinha #51 – Triângulo Mineiro

Diálogo real em sala de aula. ;) Gostou da camiseta do professor? Compre agora!
Diálogo real em sala de aula. ;)<br>Gostou da camiseta do professor? <a href=

Além da confusão de polígonos, uma bela confusão geográfica, não?

O triângulo mineiro é uma região de planejamento do estado de Minas Gerais localizada a oeste da capital mineira, entre os rios Grande e Paranaíba, cuja confluência forma o rio Paraná. É polo industrial e tecnológico e suas principais cidades são Uberlândia, Uberaba e Ituiutaba, embora 36 municípios façam parte dessa região.

Por outro lado, o Quadrilátero Ferrífero localiza-se a leste de Belo Horizonte, tendo seus vértices nas cidades de Sabará, Mariana, Congonhas do Campo e Santa Bárbara. Com uma área total de 7 500km2, é a região mais rica do estado, e o maior produtor brasileiro de minério de ferro, abastecendo a indústria nacional e o mercado externo.

 

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Você conhece o pirossomo?

Está fazendo um sucesso estrondoso no Youtube o vídeo postado por um centro de pesquisa em biologia marinha da Tasmânia mostrando um animal gigante, ao lado de alguns mergulhadores. Já foram mais de 3,3 milhões de visualizações! Mas que animal é esse?!

Pyrostremma spinosum, um pirossomo da Tasmânia. (Fonte: Eaglehawk Dive Centre.)
Pyrostremma spinosum, um pirossomo da Tasmânia. (Fonte: Eaglehawk Dive Centre.)

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Raios, trovões e muitas, muitas amantes!

Após perceber o interesse surgido com o artigo O anão e suas cinco companheiras, resolvi escrever algo semelhante sobre outros planetas do Sistema Solar. Assim, escolhi para hoje Júpiter e seus 67 (!) satélites naturais. Bem, na verdade, não abordarei todas as luas jupiterianas, afinal isso deixaria o artigo um tanto extenso e chato. Abordarei aqui somente alguns satélites, o suficiente para que o título deste post faça sentido.

A grande mancha vermelha de Júpiter. (Fonte: The University of Arizona.)
A grande mancha vermelha de Júpiter. (Fonte: <em>The University of Arizona</em>.)